Blog

Baunilha utilizada em receitas é extraída de orquídea

O que, em geral, atrai os olhos atentos de quem observa as flores, também esconde o bem mais precioso desse exemplar.

Com flores grandes e bonitas, o destaque da orquídea-baunilha se encontra principalmente nas vagens de seus frutos. É dessa parte que podem ser extraídas favas de baunilha, que são utilizadas na culinária, para dar aroma aos cremes, sorvetes, bolos e outros doces.

Há também como aproveitar essa substância coletada para produção de perfumes e cosméticos, além de outros produtos da higiene pessoal.

A técnica da apropriação desse vegetal para a produção do aroma adocicado é relativamente recente. A origem dessa planta, porém, é uma das mais antigas.

Estima-se que essa representante da família das Orquídeas tenha 120 milhões de anos. Por conta disso, já se sabe que a orquídea-baunilha possui até algumas variedades. Estima-se que existam 50 variedades desse gênero Vanilla.

A planta é classificada como originária de regiões tropicais e subtropicais. Ela é uma trepadeira e pode alcançar até 30 metros de comprimento, dependendo do suporte em que está localizada.

Fonte: G1